Antonio Israel Bruno

Eu choro tua partida e a minha quem chorou?A tua marcou-me a vida,a minha de quem marcou?

Textos


Mulher dos meus olhos.
 
Foras sempre boneca dos olhos meus:
Tua luz guiara-me doce olhar.
Contagiavas carícia e plebeu:
No meu braço ia sempre se prostrar!
 
E mostravas beleza enlevavas,
No encanto a paixão e ternura!
Juntos nosso viver e me amavas,
Traços sentir em mim os da loucura!
 
Sempre do teu amor a sorver, diva!
Sua formosura e afetiva,
Encanto em outrora, luz me eras!
 
Paz, amor a luzir eloqüências:
 
Lembro dessa, as nossas primaveras
Dor, canta Musa! Sofrer: Paciências!
 
Barrinha 05 de junho de 2017
aibs1953@gmail.com
Whatsapp  9 9450  4199
israelbrunopoeta
Enviado por israelbrunopoeta em 07/06/2017

Música: A Voce - Carlos Galhardo

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras