Antonio Israel Bruno

Eu choro tua partida e a minha quem chorou?A tua marcou-me a vida,a minha de quem marcou?

Meu Diário
26/11/2010 15h52
AINDA NA TRISTEZA O AMOR PERSITE!
 AINDA NA TRISTEZA O  AMOR PERSITE!

 


Na luz que some quando chego perto


incerto variando conduz e persiste!


Despista enganando seduz recoberta


Alerta apagando traduz não ensista!


 


Insisto entre deusas e me sinto experto


decerto recinto que aos amores resista


conquista de dores proeza a que flerto


conserto de amores ao meu peito triste!


 


Surgiste em calores e o peito lhe oferto,


Desperta pois o ombro amigo te insiste


Desisto, na dor do amor que me aperto!


 


Concerto erros causadores e te consiste;


Fugiste ainda quando os valores incertos;


Despertam os olhos teus ao amor persiste!


 


Barrinha 25 de  novembro de 2010 20,55


Publicado por israelbrunopoeta em 26/11/2010 às 15h52
Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
02/11/2009 17h20
No Soltar Das Algemas
 
[No Soltar Das Algemas]
 
No frio soltar das algemas que me prendem
A angústia me carrega e solta na amplidão.
No espetáculo ser alucinado me derramem
Vivendas moralizando a morte na expansão!
 
Barulho maldito, medroso que enfadonho,
Ao sentimento em evasão sendo invadido:
Mergulham minhas dores na aflição do sonho
Livrando-me ao mundo se cruel e desvalido.
 
Punhal, afeta o coração de um infeliz amante
Imolado dos amores às severas dores sofridas
Algemas trinam: dor, revolta ao ser agonizante.
 
E me sinto pobre viandante que a vida sorrira;
Acidente causado pela morbidez que trazido
Algemas me soltam as mãos, preso afeto a ira!
 
Barrinha, 02 de novembro de 2009 12; 40.
 
Antonio Israel Bruno


Publicado por israelbrunopoeta em 02/11/2009 às 17h20
Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
 
16/05/2008 22h04
agradecimentos
Olá amiga (o)...
  Agradeço imensamente por ter comparecido à minha página em que prestanfo-me tamanha honraria, saliento dizer que se fiz das leituras algo que te faça interessante, a mim,enteressou a tua presença em que agradeço imensamente e espero-te pelas visitas em que sejam constantes o que me fará ainda mais feliz.
Nesta página em que relatei sobre  o amor a paz,sobre o carinho e se com outros temas  como recordo,que me é intensa a felicidade se te fiz feliz pela leitura,feliz me deixou por lê-las.
Esperançoso e agradecido pela presença a que não mede esforços para isso,argumento que se  vier em meus escritos,erro de datilografia  para que me auxilie ,não deixando falhas,informando sobre as referidas ,tomando a providência em que antecipo agradecimentos e que possa sim colaborar contigo o quanto a mim colaboras.
Aproveito do ensejo para enviar a voce e a todos que lhe são caros,votos de excelente noite e final de semana .
E com meu carinho,receba o meu forte abraço.


Antonio Israel Bruno

Publicado por israelbrunopoeta em 16/05/2008 às 22h04

Site do Escritor criado por Recanto das Letras