Antonio Israel Bruno

Eu choro tua partida e a minha quem chorou?A tua marcou-me a vida,a minha de quem marcou?

Textos


 
Barba Branca...
 
Na branca barba espelho reflete,
Curvam meus ombros a cumprimentá-lo:
Noto se este ser fora confete;
E já idos os anos,estragá-lo:
 
se sentimento acusa, reflete!
Cores  desbotando após raspá-lo
Hoje, culpa sentir, tempo: Gilette.
Que, só a navalha a retirá-los.
 
Outrora só na saudade espete;
Sombras se mesmo envoltas  mostrá-lo.
Faz-se destino um pobre joguete;
 
E nostálgica vindo abraçá-lo
Recordação dos tempos que afete:
Passagem, e mais idoso projete!
 
Barrinha,4 de junho de 2017
antonioisraelbruno.recantodasletras.com.br
aibs1953@gmail.com
WhatsApp 99450 - 4199
israelbrunopoeta
Enviado por israelbrunopoeta em 05/06/2017
Alterado em 05/06/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras