Antonio Israel Bruno

Eu choro tua partida e a minha quem chorou?A tua marcou-me a vida,a minha de quem marcou?

Textos


LUZES DA VIDA.
 
Enternecido olhar, meu buscavas;
Por lamentoso ser ora gemidos:
Se lírico, sensível me tornavas;
Buscando teus sentidos comovidos.
 
Hesitar quando sentimental da dor.
No sufoco admirando a alma
Se, empalidecer penhor do amor;
Entre soluços que meu ser acalma.
 
Harmonizado, romper da ilusão;
Sonhos tornados na flor da quimera;
Sensível, tornar-se e contraída!
 
São destes olhos nobres a impressão,
Do sonhar prazer, que real quisera;
Comovido olhar, luzes da vida.
 
Barrinha, 11 de março de 2018

Aibs1953@gmail.com
WathsApp - 994504199
 
antonioisraelbruno
Enviado por antonioisraelbruno em 11/03/2018

Música: Creio em ti - Agnaldo Rayol

Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras