Antonio Israel Bruno

Eu choro tua partida e a minha quem chorou?A tua marcou-me a vida,a minha de quem marcou?

Textos


A DOR DO RISO
 
Numa dor se tanto a martiriza,
Incomoda e sem cessar, muita dor!
Ainda se por ingênuo enfatiza:
Destaque da alma, sofrer por amor!
 
Riso alegre a muitos encanta,
Acelera dor de num tanto sofrer!
Quem na alma fere a dor desponta;
Numa inveja por alegre não ser.
 
A dor deste sentir vai, incomoda!
Insensata a fluir dor infernal:
Inveja felicita a destruir!
 
Num sorrir amargo se acomoda;
Gargalhadas não se ouve deste tal:
Ao longe conseguira dor nutrir!
 
Barrinha - SP
Terça-feira,
10 de outubro de 2017.
08h16min: 44

Aibs1953@gmail.com
 
 
 
israelbrunopoeta
Enviado por israelbrunopoeta em 10/10/2017
Alterado em 10/10/2017

Música: Lágrimas - Orlando Silva - Desconhecido

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras