Antonio Israel Bruno

Eu choro tua partida e a minha quem chorou?A tua marcou-me a vida,a minha de quem marcou?

Textos


LÁGRIMAS.
 
Seca que nos espanca sem bater-nos
Pena quem tudo perde ou perde tudo!
Prova-nos a falta de fé haver-nos,
Vozes de quem falava ficou mudo!
 
E sinto a chuva descer dos olhos meus
E quem sabe torne isso oração!
São lágrimas sentidas clamando a Deus
Pela chuva que falta a plantação!
 
Não tenho terras dela é que vivo,
Nas lágrimas que solto me consolo!
Consola saber que um irmão vai bem!
 
Ainda na seca que presente me tem
Duas gotas molham e muito o solo
Multiplicou peixes! Eis o motivo!
 
Barrinha 28 de setembro de 2017

Aibs1953@gmail.com
28/09/2017 19h37min: 16
 
 
 
 
 
 
 
israelbrunopoeta
Enviado por israelbrunopoeta em 28/09/2017
Alterado em 28/09/2017

Música: Garoto-abismo de Rosas.(audio original- 1951)AMÉRICO JACOMINO-CANHOTO - Desconhecido

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras